Blog


You are here: The Worldwide Womb Blessing® > Resources > Meditação e Orações > Meditar com os Arquétipos Femininos durante o Isolamento do Coronavírus: Fase Feiticeira

Meditar com os Arquétipos Femininos durante o Isolamento do Coronavírus: Fase Feiticeira

This post is also available in: en hr fr it de pt-br pt-pt es

Print Friendly, PDF & Email

Meditação da Feiticeira (fase pré-menstrual) para as que estão em isolamento pelo Coronavirus (Covid-19) 

De: Miranda Gray, Autora e Professora internacional de mulheres

Dizer a uma Feiticeira o que ela pode ou não fazer nunca é uma boa ideia! As atuais restrições do vírus e regras de isolamento em todo o mundo podem gerar facilmente sentimentos de aprisionamento e impotência – no momento em que a Feiticeira está vibrando com energia que precisa ser libertada. Esses sentimentos podem transformar-se rapidamente em frustração e raiva e, se não houver uma maneira criativa “segura” de libertar essa energia, ela poderá espalhar-se na vida quotidiana – o que não é útil quando estamos isoladas com o nosso parceiro ou família. Além disso, se a Feiticeira trabalha num papel espiritual ou de cura, a falta de trabalho espiritual energético pessoal pode ser particularmente difícil de ajustar-se.

Poderemos não ser capazes de gerir a Feiticeira da nossa maneira usual, mas podemos dar-lhe a libertação e a magia que ela precisa expressar em meditação. Poderemos oferecer-lhe a oportunidade de libertar a raiva com segurança e transformá-la em algo bonito e mágico. Quanto mais a Feiticeira sente a magia na meditação, maior o seu sentido de totalidade.

Para criar uma fase pré-menstrual equilibrada,
basta ler a Meditação Feiticeira na sua fase.

Uma Meditação da Fase da Feiticeira

Preparação:

Não precisa de ter nada específico para realizar esta meditação, mas é bom ter uma imagem ou um objeto à sua frente que represente as energias da Feiticeira / fase pré-menstrual / Outono / diminuição das energias da Lua / Quarto-Minguante. Também pode usar algo para expressar a sua Feiticeira Interior.

Meditação:

Fecha os olhos e traz a tua consciência até ao teu corpo.

Respira profundamente e, subitamente tu estás numa praia com as ondas a baterem contra a costa. As nuvens negras e escuras de uma tempestade estão acima de ti e, tu seguras a tua capa firmemente à tua volta contra o vento forte.

Sentes o poder selvagem da tempestade empurrando-te para deixares ir e libertares a capa e a tua tensão.

No vento ouves uma voz feminina gritando “Deixa ir! Sente a energia selvagem e sê livre!”

 (Pausa)

Nas ondas espumosas à tua frente, tu vês uma cabeça acima da água – uma mulher com longos cabelos negros e olhos verde esmeralda grandes e belos. Um lampejo de luz e tu vês as escamas prateadas de uma cauda de peixe.

Ela chama-te para juntares-te a ela nas ondas – e tu não podes resistir.

Deixas a capa ir, o vento afasta-a de ti e de repente estás na água, sentindo a poderosa energia das ondas à tua volta e enchendo-te com uma alegria selvagem. Como um golfinho, tu saltas das ondas para mergulhares de volta na água.

 (Pausa)

A energia das ondas vibra através de ti enquanto as atravessas, enviando um jacto de água para o alto. Não há diferença entre ti e a água e, podes sentir as tuas ondas batendo nas rochas com força e sentir a alegria quando a água cai sobre a terra, quebrando os limites que te restringem.

Uma e outra vez as tuas energias colidem contra a terra com liberdade selvagem.

 (Pausa)

A magia desta Mulher Sereia envolve-te e uma mão gentil toca o teu ombro. A Mulher Sereia nada perto de ti e tu vês que a sua pele está coberta com escamas macias de prata e o seu cabelo está decorado com pequenas tranças e conchas. Uma única pedra preciosa irradia luz e repousa sobre a sua testa, mantida no lugar por um travessão de prata.

Ela pega na tua mão e gentilmente transporta-te sob as fortes ondas para a calma. Quanto mais fundo vais, mais calma a água se torna – e sentes os poderes furiosos suavizarem dentro de ti. Neste sentimento de gentileza, tu desistes do caos interior e sentes a energia selvagem de uma forma mais suave.

 (Pausa)

Aterras no fundo do mar num reino místico de beleza e luz. Maravilhada, vês as criaturas do mar a nadarem à tua volta, radiantes com as suas energias e magia. A Mulher Sereia pega numa velha concha descartada e, enrolando a sua magia à volta da concha, ela canta. Debaixo das suas mãos, a concha é esculpida na forma de um belo cavalo marinho. Outra concha transforma-se numa bela jóia da mais leve cor roxa. Ela oferece-te uma concha e, segurando-a nas tuas mãos, teces a tua própria magia para a moldares na forma que teu coração deseja. Com prazer, sentes o coração e a magia combinados, e a tua criatividade a moldar a concha. É tão bom criar que pegas outra velha concha e depois outra. Tecendo a stua mágica, criando beleza no mundo.

Repare naquilo que teces.

(Pausa)

Aprecia este local de tranquilidade e beleza pelo tempo que desejares.

(Pausa)

Quando estiveres pronta para deixar esta meditação.

Oferece a tua gratidão e amor à Mulher Sereia oferecendo uma das tuas criações.

Escuta algum conselho que te seja dado.

Depois traz a tua consciência até ao teu coração, respira fundo, sorri, abre os teus olhos e traz a energia da tua Feiticeira para o Mundo.

Leia as outras meditações do Arquétipo durante o seu Isolamento do Coronavírus: Donzela, Mãe e Crone.

This post is also available in: en hr fr it de pt-br pt-pt es